Google+ Followers

Seguidores do Blog

11° LIÇÃO 4 TRIMESTRE 2014 O HOMEM VESTIDO DE LINHO


O HOMEM VESTIDO DE LINHO
O capítulo que ora vamos estudar encontra-se numa seção que se destaca dos capítulos sete a nove: a de dez a doze. Estes aparecem como profecia que os remete a uma retrospectiva histórica dos capítulos sete a nove.

10° LIÇÃO 4 TRIMESTRE 2014 AS SETENTA SEMANAS

AS SETENTA SEMANAS
O capítulo nove de Daniel é um dos mais controvertidos e especulados da Bíblia. Quantas datas foram marcadas para a vinda de Jesus a partir desse capítulo? Quantas pessoas pensaram que o Anticristo foi o Hitler? Ou o Papa? Tudo a partir da leitura desse capítulo.

9° LIÇÃO 4 TRIMESTRE 2014 O PRENÚNCIO DO TEMPO DO FIM

O PRENÚNCIO DO
TEMPO DO FIM
O oitavo capítulo de Daniel retrata os impérios Medo-Persa e Grego respectivamente. O carneiro de dois chifres representa o império Medo-Persa. O Bode é figura do império Grego e o grande chifre do bode refere-se a Alexandre Magno, o mais célebre conquistador do Mundo Antigo.

8° LIÇÃO 4 TRIMESTRE 2014 OS IMPÉRIOS MUNDIAIS E O REINO DO MESSIAS

OS IMPÉRIOS MUNDIAIS
E O REINO DO MESSIAS
Prezado professor, a partir deste capítulo, o sete, iniciaremos outro gênero de narrações sobre o profeta Daniel e os seus amigos. Até o capítulo seis o gênero predominante no livro é classificado como história. Mas a partir do capítulo sete, o gênero que passa a dominar a obra é o das visões de Daniel. Uma série de visões dadas por Deus ao profeta é revelada a respeito do futuro do mundo e do Reino de Deus.

7° LIÇÃO 4 TRIMESTRE 2014 INTEGRIDADE EM TEMPOS DE CRISE


INTEGRIDADE EM TEMPOS DE CRISE
É possível ser íntegro em meio à corrupção? É possível sujeitar-se a Deus quando ao nosso redor estamos cercados de exemplos contrários ao ideal divino? Estas são as perguntas norteadoras desta sétima lição.

6° LIÇÃO 4 TRIMESTRE 2014 A QUEDA DO IMPÉRIO BABILÔNICO


A QUEDA DO IMPÉRIO BABILÔNICO
"MENE, MENE, TEQUEL e PARSIM." Era o que estava escrito na parede revestida por estuque do palácio real. Uma imagem assombrosa e amedron- tadora que colocou ponto final na festa do palácio. Deus estava falando que chegara ao fim o espetáculo do deboche da fé alheia.